4 – Arqueologia e Vinho de Colares

Image

Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas | almoço em Negrais | Ramilo Wines | Prova de Vinho | Vinhas de chão de areia | Azenhas do Mar | Pôr do Sol e marisco da costa

Duração – 1 dia

Utilização de viatura própria

IMPORTANTE: contactar o produtor Ramilo Wines com antecedência, para marcação da visita e prova de Vinho.

Pela manhã, siga até São Miguel de Odrinhas – a povoação mais a norte do concelho - e visite o Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas e as ruínas romanas adjacentes. A coleção tem mais de 400 peças de diversas tipologias: moedas, objetos cerâmicos, líticos, metálicos, osteológicos, entre outros. 

Aproveitando que está no norte do concelho, sugerimos um almoço em Negrais. Ajuste o seu GPS e siga para aquela localidade. São apenas 20 minutos de distância. Prove o Leitão de Negrais, prato típico da gastronomia sintrense. 

Depois de almoço, volte a ajustar o seu GPS, agora para seguir até um dos produtores de vinho de Colares, a Ramilo Wines Com plantação de vinha de chão de areia, na zona de Janas, no concelho de Sintra, de onde sai o vinho DOC Colares deste produtor, a adega situa-se no concelho vizinho de Mafra, muito próximo à fronteira dos 2 concelhos, na Quinta do Ramilo, onde têm mais vinha.

Faça uma visita à Quinta e à adega onde, entre outros, é produzido o vinho DOC Colares deste produtor. Prove este vinho de características diferentes e saiba como é produzido.

Depois de uma tarde, que seguramente será bem passada e de ter provado o vinho de Colares, regresse ao concelho de Sintra e dirija-se às Azenhas do Mar. Antes de se dirigir ao miradouro, passe pelas vinhas velhas de Colares em chão de areia e observe as suas características únicas.

As Azenhas do Mar surpreendem pela sua situação geográfica, com as casas a descerem em cascata pelo declive da arriba até ao mar. Conheça esta bela e emblemática aldeia passeando nas ruas estreitas.

Aproveite agora para retemperar energias e num dos restaurantes locais, assista a um belo pôr do Sol enquanto “petisca” bom marisco da costa.

Foi, de certeza, uma boa experiência Enoturística e gastronómica que permitiu conhecer um pouco da história e produção do centenário vinho de Colares bem como parte da gastronomia sintrense.

Há muito mais por descobrir. Esperamos por si para uma próxima experiência.