Sintra apresenta livro de Maria Almira Medina

Sintra apresenta livro de Maria Almira Medina

A Biblioteca Municipal de Sintra vai receber a apresentação pública do livro “Os Cantos da Casa”, de Maria Almira Medina, no dia 5 de maio pelas 18h30.

A obra reúne um conjunto de textos publicados por Maria Almira Medina no Jornal de Sintra ao longo de vários anos, compreendendo o tempo em que a própria dirigiu este organismo (1983-1991), fundado pelo seu pai, António Medida Júnior. Ao longo de “Os Cantos da Casa” é ainda possível encontrar retratos poéticos de toda uma geração de sintrenses vista pelos olhos da autora.

Maria Almira Medina nasceu em Tavarede, no ano de 1926, e ao longo da sua vida foi poetisa, escritora, ceramista, pintora e caricaturista. Licenciada em Filologia, enquanto docente, foi ainda animadora do ensino de teatro e poesia em escolas secundárias e coordenadora de jornais escolares. Em 1943, começou a expor com a coletiva “Exposição de Artistas Sintrenses” e, em 1945, exibiu a sua primeira exposição pessoal na Galeria Stop, em Lisboa.

Foi membro de diversas associações culturais e a sua atividade artística estendeu-se pela pintura, desenho, cerâmica, ilustração, desenho animado, caricatura, tropologia, joalharia, têxteis, publicidade e estilismo. Escreveu para inúmeras publicações, tais como, Mundo Literário, Vértice, Horizonte, Jornal de Sintra, Jornal das Letras e Artes, Nova Águia, República, Diário de Lisboa, O Século, Diário Popular, Jornal de Notícias, A Bola, entre outros. Publicou o livro de literatura infantil “A Menina Girassol” (2006) e diversas obras de poesia como “Distância” (1944), “Madrugada” (1955), “Sem Moldura” (2006) ou Um Tempo de Cata-Sol (2007).

Em 1948, foi premiada no Concurso de Caricatura de Gente da Rádio, promovido pela Emissora Nacional e, em 1953, no Prémio de Caricatura Leal da Câmara, promovido pela Sociedade Nacional de Belas Artes.

Maria Almira Medina faleceu em Sintra, em 2016.